Blog

Controle de processos

Gestão administrativa e financeira

Gestão de empresas médicas

Gestão de escalas

Gestão de glosas

Gestão de qualidade

pilares da experiência do paciente

Pilares da experiência do paciente: o que considerar na sua empresa de anestesia?

Por: | 13 de julho de 2021

Entender os pilares da experiência do paciente é crucial para que as instituições de saúde possam oferecer um bom atendimento, assim como garantir o bem-estar durante os cuidados assistenciais, tanto aos próprios pacientes quanto aos seus acompanhantes. 

Uma pesquisa da KPMG nos revela que 80% dos gestores de saúde têm a experiência do paciente como a principal estratégia de seus negócios nos próximos anos. O problema? Apenas 30% desses líderes se dizem satisfeitos com seus atuais planejamentos. 

A importância de garantir uma boa vivência ao cliente vai muito além da área da saúde, ganhando espaço em todos os segmentos do mercado e isso não é por acaso, cada vez mais as empresas estão percebendo os benefícios de suprir as expectativas do público. 

Um estudo realizado pela Salesforce nos mostra a importância, visto que, segundo o levantamento, 89% dos clientes brasileiros consideram a experiência com uma organização mais importante do que os produtos ou serviços que ela oferece. 

Diante disso, separamos alguns pilares da experiência do paciente que devem ser considerados na sua empresa de anestesia se deseja atingir melhorias operacionais. 

Leia também: Tudo o que você precisa saber sobre o sistema de gestão da qualidade (SGQ)

4 pilares da experiência do paciente a serem considerados em empresas de anestesia

Dentre os principais pilares da experiência do paciente que precisam ser considerados no cotidiano de grupos e empresas de anestesia, estão: 

1. Atendimento humanizado

Não é de se espantar que a humanização seja o primeiro tópico da nossa lista, afinal, estamos lidando com ela diariamente em todos os setores do mercado. 

Propagandas de TV estão mais humanizadas, empresas de tecnologia estão criando mascotes que se aproximam de seus clientes e, até mesmo, a linguagem das organizações nas redes sociais incorporaram características do público.

No segmento da saúde não é diferente. Cada vez mais instituições estão adotando um processo de atendimento voltado inteiramente para o paciente, suas necessidades e preferências.

Além disso, a interação com os pacientes têm se tornado muito mais humanizada, em que o profissional se coloca em uma posição empática de cuidado e auxílio. 

Esse cenário é ainda mais importante quando nos referimos às empresas de anestesia, visto que apenas o nome “cirurgia” pode ser extremamente assustador ao paciente. 

Diante disso, é preciso garantir processos mais transparentes para que, mesmo em casos de procedimentos cirúrgicos delicados e de alto risco, o paciente se sinta confortável e seguro no tratamento. 

2. Criação de uma rede de apoio 

Outro pilar importante na experiência do paciente é a criação de uma rede de apoio. Como citado, iniciativas cirúrgicas, quase sempre, representam situações de estresse para os pacientes e seus familiares, mesmo se forem procedimentos simples. 

Portanto, uma maneira de não apenas contribuir com o bem-estar do paciente, mas também suscitar uma experiência mais positiva é a criação de uma rede de apoio, em que os médicos envolvem os acompanhantes nos tratamentos assistenciais e sempre dão notícias a respeito do estado do paciente.

3. Valorização dos profissionais 

Não há como falar sobre os pilares da experiência do paciente sem pontuar a importância de valorizar os profissionais de saúde

Ao garantir melhores condições de trabalho, um ambiente acolhedor, apoio em todos os processos internos, otimização e infraestrutura, os anestesistas se tornam ainda mais motivados em proporcionar uma ótima vivência do paciente. 

Veja também: Como realizar a gestão do tempo e produtividade em instituições da saúde?

4. Garantia de segurança

Por fim, outro aspecto importante é a garantia de segurança aos pacientes. Isso não apenas é possível por meio de tratamentos mais transparentes, mas também pautados na ética profissional e indícios científicos. 

Além disso, a segurança de dados é outro processo essencial na experiência dos pacientes, especialmente com a chegada da LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) e a necessidade de garantir alta governança na privacidade de dados pessoais e dados sensíveis. 

Conheça o Volan!

O Volan pode te ajudar a implementar todos os pilares da experiência do paciente. Consistindo em um aplicativo de gestão para empresas de anestesia, o Volan é robusto, intuitivo e responsivo, atendendo todas as necessidades do cotidiano dessas operações. 

Disponível para ambientes da web, Android e IOS, o Volan possui ferramentas completas que auxiliam no registro de atendimentos, gestão de faturamento, gerenciamento das escalas dos profissionais, identificação rápida de glosas e acompanhamento financeiro. Tudo isso de maneira rápida e segura.

Outra vantagem do Volan é o layout fácil de usar. Por ser simples, possui alta adesão dos médicos anestesistas, garantindo uma dinâmica mais simples das operações cotidianas e melhor controle sobre todos os procedimentos realizados. 

Quer saber mais? Acesse agora mesmo e solicite uma demonstração gratuita do Volan!