Blog

Controle de processos

Gestão administrativa e financeira

Gestão de empresas médicas

Gestão de escalas

Gestão de glosas

Gestão de qualidade

Não categorizado

Volan na imprensa

grupo de anestesia

Atendimento humanizado: Importância e como adotar no seu grupo de anestesia?

Por: | 24 de agosto de 2021

Cada vez mais as instituições de saúde estão focando na experiência do paciente com o objetivo de garantir melhores tratamentos assistenciais e viabilizar maior satisfação. Nesse sentido, não é incomum encontrar uma empresa ou grupo de anestesia valorizando iniciativas de atendimento humanizado. 

De modo prático, a humanização do atendimento está relacionada com a maneira como os médicos tratam e interagem com seus pacientes. Ou seja, trata-se de um conjunto de iniciativas que priorizam aspectos como comunicação transparente, empatia, envolvimento dos familiares e amigos, respeito e ética.

Sabemos que um hospital, por si só, já é um ambiente que causa tensão. Quando o paciente precisa passar por tratamentos mais longos e delicados, como é o caso das cirurgias, esse local pode trazer medo, insegurança e tristeza.

Com o atendimento humanizado, médicos e outros profissionais da saúde atuam ativamente para que as intervenções sejam mais efetivas, sem deixar de lado a satisfação dos pacientes, unindo perfeitamente qualidade e compromisso com o ativo humano. 

Mas, afinal, como implementar o atendimento humanizado em um grupo de anestesia? Para te ajudar nesse processo, separamos algumas dicas abaixo. Confira!

Leia também: O que é a gestão de atendimento e como implementar na saúde?

Como implementar o atendimento humanizado no seu grupo de anestesia?

Dentre as principais iniciativas para garantir o melhor atendimento no seu grupo de anestesia estão: 

Permitir que os familiares participem dos tratamentos

O serviço de anestesia é dividido em diversas etapas e não se restringe apenas ao momento da cirurgia, isso porque é preciso realizar exames pré-cirúrgicos e iniciativas de acompanhamento do paciente depois da intervenção.

Isso significa que os médicos anestesistas têm muito contato com o paciente e, consequentemente, com a família, amigos e/ou acompanhantes. 

Nesse sentido, o ideal é sempre envolver todos esses agentes no tratamento do paciente, informando suas condições de saúde, previsões, cuidados e responder às possíveis dúvidas.

Caso surjam questionamentos da especialidade de outro médico da equipe multidisciplinar, seja simpático e informe à pessoa que logo outro especialista falará com ela. Quanto maior for a rede de apoio do paciente, melhor será a sua recuperação e, consequentemente, satisfação. 

Diversificar os canais de atendimento

Outro ponto que deve ser levado em consideração por grupos de anestesia que desejam implementar o atendimento humanizado é a diversidade de canais de interação.

É preciso oferecer diferentes meios de atendimento, seja e-mails, telefones, chats e outros, e capacitar os profissionais para que realizem sempre essa assistência com simpatia, empatia, respeito e qualidade. 

Minimizar o tempo de espera

Instituições de saúde são famosas pelas demoradas esperas no atendimento. No entanto, essa característica, um problema já bastante comum nas organizações brasileiras, pode representar descaso e prejudicar a imagem do hospital.

Por essa razão, é essencial atuar ativamente para reduzir as filas e o tempo de espera. Para tal, mapeie a duração de cada tipo de atendimento e prepare a sua operação para possíveis situações de emergência, estabelecendo prioridades. Aqui, a capacitação constante do time de médicos é fundamental. 

Leia também: Gestão de equipes de anestesia: 5 desafios e como superá-los

Simplificar o acesso à informação dos pacientes

Para garantir qualidade e segurança nas iniciativas de um grupo de anestesia, é preciso simplificar o acesso à informação dos pacientes

Facilitar a visualização de dados do atendimento, endereços, telefones úteis, nomes dos médicos responsáveis e outras informações semelhantes pode aumentar a credibilidade da sua instituição e promover melhor satisfação dos pacientes. 

Utilizar a tecnologia

Por fim, não podemos falar sobre atendimento humanizado sem citar a importância da tecnologia nesse processo. 

Atualmente, é possível contar com diversos tipos de sistemas de gestão que ajudam a padronizar a operação, organizar os atendimentos, acompanhar a experiência dos pacientes e monitorar o desempenho de toda a instituição de saúde.

Para escolher a melhor ferramenta, porém, é preciso levar em consideração as suas necessidades, mapear os principais desafios do seu grupo de anestesia e preparar os médicos para lidarem com a inovação

Nesta decisão, características como facilidade de uso, simplicidade no registro de informações e segurança oferecida também devem ser analisadas em uma possível parceira para os seus negócios. 

Você pode ter perdido: Pilares da experiência do paciente: o que considerar na sua empresa de anestesia?

Conheça o Volan!

O Volan pode ajudar o seu grupo de anestesia a acelerar a transformação digital e promover um atendimento mais humanizado aos pacientes.

Consistindo em um aplicativo de gestão específico para anestesistas, o Volan é completo, intuitivo, responsivo e fácil de usar. Disponível para ambientes da web, Android e IOS, o Volan oferece as seguintes funcionalidades:

  • Gestão de glosas;
  • Registro e acompanhamento do faturamento;
  • Análise do desempenho financeiro;
  • Gerenciamento das experiências do paciente e cirurgião;
  • Gestão de qualidade;
  • Criação e administração das escalas.

Quer saber mais sobre o Volan? Acesse agora mesmo e converse com o nosso time de especialistas! Estamos à disposição para te ajudar!